Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

concordo
Ciclo Páginas Sinfónicas

Novos Mundos

Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha
Dom 22 Mai 17:00

10€

Bilhetes à venda

Há um oceano imenso e cento e trinta anos de História que nos separam da nona sinfonia de Antonín Dvořák. A travessia foi feita pelo compositor desde Praga até Nova Iorque em 1892, quando contava 51 anos de idade e já conquistara um estatuto de enorme prestígio. Ali encontrou uma realidade onde tudo parecia ter dimensões bastante mais imponentes. A inspiração bucólica das paisagens rurais da Boémia deram assim lugar a um fascínio rejuvenescedor diante das culturas dos negros e dos índios americanos. Nasceu então a célebre Sinfonia Do Novo Mundo. Hoje as distâncias parecem ter-se encurtado muito. Mas não é somente por essa razão que esta obra se nos tornou tão familiar. Plena de entusiasmo pela pujança das sociedades norte-americanas da época, não abdica de referências ao passado europeu. Desperta para uma nova forma de estar, não esquece a tradição centenária de onde provém. Neste programa divide palco com a estreia do primeiro concerto para piano de João Vasco, uma composição que já em 2020 vislumbrava este nosso «novo mundo», a partir do primeiro confinamento.

 

Novos Mundos
Orquestra Metropolitana de Lisboa

João Vasco 2020, Concerto para Piano e Orquestra *
A. Dvořák Sinfonia N.º 9, Do Novo Mundo

António Rosado piano
Adrian Leaper maestro

 

* Encomenda do Festival Internacional de Piano do Algarve

Em Destaque