Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

concordo

Nonna Manicheva

Nonna Manicheva

2.º Violino

Nonna Manicheva (n. 1986) iniciou os seus estudos musicais aos quatro anos na escola de música da sua cidade natal, Chelyabinsk (Rússia), onde estudou violino com os professores Larisa Kokorina e Yuri Volgin, um assistente de Zakhar Bron. Em 1995 foi admitida na Escola Central de Música de Novosibirsk, nas classes de Yuri Volgin, Marina Kurmina e Oksana Anisimova. Desde 2002, prosseguiu a sua educação em Moscovo, tendo concluído, na classe da professora Marina Keselman, em 2007, a sua graduação no Colégio Académico de Música Tchaikovsky do Conservatório Estatal. Frequentou aulas com Zakhar Bron, Maya Glezarova, Irina Bochkova, Sergey Girshenko, Marina Yashvili, Dora Schwartzberg, Gidon Kremer, Sergey Kravchenko, Vladimir Spivakov e Tatyana Grindenko, tendo participado ainda em diversas masterclasses.

De 2008 a 2012 Nonna Manicheva foi Primeiro Violino – Tutti da Orquestra de Câmara do Kremlin, e naquele último ano obteve a posição de Segundo Violino – Tutti na Orquestra do Teatro Bolshoi da Rússia, então dirigido por Tugan Sokhiev. Apresentou-se também como solista com a Orquestra de Câmara de Ural e com a Orquestra de Câmara do Kremlin.

Colaborou ainda com diversas orquestras, tais como a Orquestra Sinfónica Juvenil, a Orquestra de Câmara e a Orquestra Filarmónica de Novosibirsk, a Orquestra de Câmara do Kremlin, a Orquestra Nacional da Rússia, a Orquestra Tchaikovsky, a Nova Orquestra da Rússia, a Orquestra do Teatro Bolshoi e a Orquestra Sinfónica Académica Estatal Evgeny Svetlanov, sob a direção de Vladimir Spivakov, Alexander Vedernikov, Andrea Marcon, Kristoffer Mulds, Gidon Kremer, Vladimir Jurowski, Teodor Currentzis, Mikhail Jurowski, Pavel Klinichev, Julian Reynolds, Alexander Lasarev, Giacomo Sagripanti, Vladimir Fedoseev, Tugan Sokhiev e Gennady Rozdestvensky, entre outros.

Desde setembro de 2019, Nonna Manicheva é Segundo Violino – Tutti da Orquestra Metropolitana de Lisboa.