Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

concordo

Pedro Amaral

Diretor Artístico Maestro Titular da OML

Pedro Amaral (Lisboa, 1972) iniciou os seus estudos em composição com Fernando Lopes-Graça, em 1986. Graduou-se na Escola Superior de Música de Lisboa (1994) e no Conservatório Nacional Superior de Música de Paris (1998). Ainda em Paris, concluiu um Mestrado e um Doutoramento em Musicologia Contemporânea na Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais (2003).

Estudou direção de orquestra com Peter Eötvös e Emílio Pomàrico. Em 2004 obteve o Prix de Rome. Professor da Universidade de Évora desde 2007 e Membro da Academia de Belas Artes desde 2017, Pedro Amaral é autor de diversas obras, entre as quais as óperas «O Sonho» (2010) e «Beaumarchais» (2017).

Em cada temporada dirige numerosos concertos, em Portugal e no estrangeiro, com um repertório amplo do Classicismo à contemporaneidade.

Destacou-se pelas suas interpretações das óperas de Mozart e das grandes sinfonias do romantismo germânico, de Beethoven a Bruckner e Brahms, bem como na sua prática do repertório contemporâneo, em particular das obras de Berio, Boulez e Stockhausen – de quem foi assistente.

Foi Maestro Titular da Orquestra do Conservatório Nacional (2007/08) e do Sond’Arte Electric Ensemble (2007/10), sendo atualmente Diretor Artístico e Maestro Titular da Orquestra Metropolitana de Lisboa.