Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

concordo

Rafaela Oliveira

Fagote

Rafaela Oliveira (Gouveia, 1993) iniciou os estudos musicais aos oito anos na Sociedade Musical Gouveense. Aos catorze anos ingressou no Conservatório de Música de Seia, onde concluiu o 5.º Grau de Clarinete na Classe do professor Carlos Silva. Em 2010 entrou na Escola Profissional da Serra da Estrela para aprender Fagote, onde teve como professor Ricardo Santos. No ano seguinte ingressou na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo, na Classe de Fagote da professora Lurdes Carneiro. Em 2016 concluiu a Licenciatura em Instrumentista de Orquestra na Academia Nacional Superior de Orquestra, na Classe do professor Roberto Erculiani. Atualmente, frequenta o 2.º Ano do Curso de Mestrado em Ensino da Música na Escola Superior de Música de Lisboa.

Ao longo da sua formação académica teve a oportunidade de colaborar com as seguintes orquestras: Orquestra Nacional de Sopros dos Templários, Orquestra de Câmara da Maia, Orquestra APROARTE, Banda Sinfónica Portuguesa, Orquestra Académica Metropolitana, Orquestra de Câmara Portuguesa, Orquestra de Câmara de Almada, Ensemble MPMP, Orquestra Filarmónica Portuguesa, Orquestra Metropolitana de Lisboa e Orquestra Gulbenkian. Teve também oportunidade de trabalhar com os seguintes maestros: Jean-Sébastien Béreau, Hannu Lintu, Garry Walker, Ernest Schelle, Pedro Neves, Emilio Pomàrico, Michael Zilm, Wolfgang Lischke e Lawrence Foster, entre muitos outros.

Frequentou várias masterclasses de Fagote com prestigiados professores, como Rui Lopes, Ricardo Ramos, Marc Trénel, Giorgio Mandolesi, Afonso Venturieri, Magnus Nilson, Fábio Cury, Georg Klutsch e Sophie Dartigalongue.