Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização de acordo com a nossa Política de cookies.

concordo
A terceira cabana de composição de Mahler, situada em Toblach, na região do Tirol | Fonte: Wikimedia Commons

25/10/2019

A Décima de Mahler

Havia quem acreditasse no maldito presságio daquele número, lembrando os casos de Beethoven, Schubert, Dvořák e Bruckner. Seja como for, Gustav Mahler morreu aos cinquenta anos de idade deixando a sua Décima Sinfonia incompleta. Só o primeiro andamento, um «Adagio», se aproxima de uma pretensa «versão final».

Ler Mais
O compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos | Fonte: pinterest.com

15/10/2019

A Guitarra de Villa-Lobos

O compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos é autor de obras icónicas da guitarra, tais como a Suíte Popular Brasileira, os 12 Estudos e os 5 Prelúdios. O Concerto para Guitarra e Orquestra data de 1951 e foi a última obra que compôs para este instrumento.

Ler Mais
Desenho do bar «Le Bœuf sur le toit» | Trabalho inacabado de Pierre Gatier (1878-1944) | Fonte: BnF Gallica

15/10/2019

O Boi no Telhado

«O Boi no Telhado» é uma obra orquestral que foi composta em 1920 por Darius Milhaud. O seu título é emprestado de uma melodia que se tornou popular no Carnaval do Rio de Janeiro em 1918. Era então cantada por um músico conhecido pelo nome de Zé Boiadeiro.

Ler Mais
O Lago Wörthersee, Pintura de Marko Pernhart (1824–1871) | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

Os Humores de Brahms

Johannes Brahms chamou à sua 2.ª Sinfonia «Sinfonia Feliz». Mas também disse, noutra ocasião, que a partitura deveria ter uma orla negra, tal era a melancolia que a trespassava. Em que ficamos?

Ler Mais

07/10/2019

A Segunda Sinfonia de Brahms

A Segunda Sinfonia aparenta uma simplicidade enganadora, o que se deve à sua consistência formal. Não depende somente dos contrastes ou da exploração de dinâmicas extremas, mas também da maneira como as ideias se entrelaçam com oportunidade e coerência ao longo dos quatro andamentos.

Ler Mais

07/10/2019

O Concerto para Violino de Stravinsky

No início de 1931, de passagem por Paris, Igor Stravinsky traçou os primeiros esboços do seu Concerto para Violino. A obra foi estreada em outubro pela Orquestra da Rádio de Berlim, e três meses mais tarde interpretada nos E.U.A. pela Orquestra Sinfónica de Boston.

Ler Mais
Igor Stravinski e Samuel Dushkin cerca de 1930 | Desenho de Hilda Wiener (1877-1940) | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

Stravinsky Neoclássico

Stravinsky não se deixou encandear pelo prestígio da revolução estética associado às obras que compôs em início de carreira, tais como «A Sagração da Primavera». Ao longo de toda a vida, defendeu que a arte de fazer música também é prática de conhecimento, e que inovar, por si só, é insuficiente.

Ler Mais
O compositor Karol Szymanowski | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

Karol Szymanowski

Entre 1900 e 1902, o jovem polaco Karol Szymanowski compôs quatro estudos para piano num estilo romântico tardio, manifestamente influenciado por Chopin. O terceiro, em particular, contribuiu decisivamente para que o seu nome se tornasse conhecido internacionalmente.

Ler Mais
O compositor Albert Roussel ca. 1913 | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

O Festim da Aranha

Albert Roussel formou-se na Schola Cantorum, mas cedo se deixou encantar pelas sonoridades modernas impressionistas. É disso exemplo a música que compôs para o bailado «O Festim da Aranha» em 1913, no mesmo ano d’«A Sagração da Primavera».

Ler Mais
O compositor Gabriel Pierné cerca de 1900 | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

Gabriel Pierné

O compositor Gabriel Pierné foi contemporâneo de figuras como Claude Debussy, Albert Roussel e Maurice Ravel. A sua música reconhece-se num estilo caracteristicamente francês, que dá preferência às sugestões extramusicais, em detrimento do aparato sinfónico

Ler Mais
Mapa e gravura panorâmica da cidade de Berlim em 1737 | Fonte BnF Gallica

07/10/2019

A Escola de Berlim

Podemos hoje distinguir uma «Escola de Berlim» quando lembramos a importância que esta teve na transição entre os estilos musicais barroco e clássico... com um «estilo sentimental»!

Ler Mais
Pormenor da primeira página do manuscrito do Ricercare a 6, da Oferenda Musical | Fonte: Wikimedia Commons

07/10/2019

Oferenda Musical

Em maio de 1747, Johann Sebastian Bach visitou seu filho Carl Philipp Emanuel, em Berlim. Era oportunidade para se apresentar ao rei. Passado pouco tempo, chegou por correio ao palácio um caderno intitulado «Oferenda Musical».

Ler Mais