Temporada OAM

Rameau, Ravel

facebook Instagram Youtube

Programação e Bilheteira

Temporada OAM


Rameau, Ravel


>Anterior
2019 set out nov dez 2020 jan fev mar abr mai jun
Seguinte
23

AUDITÓRIO DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA, CAMPUS DE CAMPOLIDE


Rameau, Ravel



No início de mais uma temporada, a Orquestra Académica Metropolitana alterna obras de Rameau e Ravel, encetando um diálogo que traça pontes entre sonoridades que se separam por três séculos. Realçam-se assim diferenças, mas também caraterísticas que permitem reconhecer o singular carisma destes dois grandes compositores franceses. De Jean-Philippe Rameau, figura incontornável da História da Música do século XVIII, ouve-se a enigmática abertura da ópera Zaïs e algumas das mais belas páginas da ópera-ballet Les Indes Galantes. Já de Maurice Ravel, tem lugar Le tombeau de Couperin, uma suíte para piano orquestrada em 1919 que adota deliberadamente técnicas e estilos reminescentes, e o célebre Concerto em Sol Maior. As harmonias do Blues e os ritmos sincopados do Jazz, que tão bem ilustram o fascínio que Ravel mantinha pelo Novo Mundo, serão interpretadas pela pianista maltesa Charlene Farrugia.


RAMEAU, RAVEL
Orquestra Académica Metropolitana


Jean-Philippe Rameau Abertura da Ópera Zaïs
Maurice Ravel Concerto para Piano em Sol Maior
Jean-Philippe Rameau Excertos orquestrais de Les Indes galantes, Platée e Dardanus
Maurice Ravel Le Tombeau de Couperin

Solista Charlene Farrugia piano
Maestro Jean-Marc Burfin e/ou Alunos do Curso de Direção de Orquestra da Metropolitana

5€
BILHETES A VENDA
Na sede da Metropolitana, segunda a sexta - 10h30 > 17h30
No dia e local do concerto, a partir das 20h00

Próximo concerto, dia 25 de outubro, no Fórum Municipal Luísa Todi