Calendário Geral

Virtuosismo e Belcanto

facebook Instagram Youtube

Programação e Bilheteira

Calendário Geral


Virtuosismo e Belcanto


>Anterior
2019 abr mai jun jul ago set out nov dez 2020 jan
Seguinte
14

SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES


Virtuosismo e Belcanto

Reúnem-se aqui os nomes de quatro compositores italianos que deixaram marcas profundas no panorama musical do século XIX. Entre eles, o menos conhecido, hoje em dia, será o de Giovanni Bottesini. Foi, todavia, uma figura que gozou na sua época de grande prestígio, designadamente no âmbito das duas vertentes sobre as quais se estrutura o presente programa: o Virtuosismo e o Belcanto. Numa ocasião em que integrava a orquestra de um teatro de ópera de Veneza, em 1844, conheceu Verdi, de quem se tornou amigo – Bottesini viria a estrear enquanto maestro a ópera Aida em 1871, no Cairo. Compôs, depois disso, várias óperas com sucesso internacional, construindo em simultâneo uma insólita carreira de contrabaixista na condição de solista, ao ponto de se tornar conhecido como «Paganini do Contrabaixo». O Gran duo concertante para violino e contrabaixo que compusera aos dezanove anos de idade ilustra bem essa faceta. Por outro lado, Passione Amorose, bastante mais tardia, dispõe a mesma combinação instrumental numa escrita afim ao lirismo operático. Entre estas duas obras, particularmente representativas da dualidade do seu percurso, podemos aqui escutar excertos de quatro óperas italianas célebres em versões adaptadas para contrabaixo, ou violino, com piano. Primeiro, a ária Il balen del suo sorriso que o Conde di Luna canta no início do 2.º ato de Il trovatore. Depois, a recreação de várias melodias de La Sonnambula, que tanto contribuiu para o crescimento da fama de Bottesini. Já para violino e piano, revisitamos a serenata que o Conde de Almaviva faz a Rosina no início d’O barbeiro de Sevilha. Por fim, ouvimos as variações compostas pelo verdadeiro «Paganini do Violino» sobre a ária da oração que se escuta no final da ópera Mosè in Egitto de Gioachino Rossini.

 

 

 

Virtuosismo e Belcanto 

Solistas da Metropolitana

 

Quinta-feira, 14 de fevereiro, 18h30, Sociedade Portuguesa de Autores

 

G. Bottesini Passione Amorose (transc. para violino, contrabaixo e piano)

G. Verdi Ária da ópera Il trovatore (transc. para contrabaixo e piano)

G. Bottesini Fantasia sobre La Sonnambula de Bellini (para contrabaixo e piano)

G. Rossini Serenata da ópera Il barbiere di Siviglia (transc. para violino e piano)

N. Paganini Variações sobre a ária da oração da ópera Mosè in Egitto de G. Rossini (para violino e piano)

G. Bottesini Gran Duo Concertante (para violino, contrabaixo e piano)

 

Diana Tzonkova violinoErcole de Conca contrabaixoAnna Tomasik piano