Calendário Geral

Paraíso Perdido

facebook Instagram Youtube

Programação e Bilheteira

Calendário Geral


Paraíso Perdido


>Anterior
2018 out nov dez 2019 jan fev mar abr mai jun jul
Seguinte
10

TEATRO THALIA

Ticketline Comprar Bilhete

Paraíso Perdido

Com os pés bem assentes na matriz clássica de Beethoven e Schubert, projeta-se neste programa um curto passeio pelo Jardim do Éden, ao som de um precioso interlúdio orquestral da autoria de Krzysztof Penderecki. O Adagietto do compositor polaco emancipou-se da ópera Paraíso Perdido desde a estreia, em 1978. Nesse contexto, corresponde ao momento de comoção e beleza que se interpõe entre o êxtase de Eva, que se deixa tentar pelo fruto da Árvore do Conhecimento, e o triste lamento de Adão. São apenas cinco minutos de música que se comparam a páginas tão célebres como o Adagio de Samuel Barber ou o Adagietto da Sinfonia N.º 5 de Gustav Mahler. São, todavia, suficientes para nos distanciarem das mais cristalinas sonoridades das primeiras décadas do século romântico. Primeiro, com os músicos DSCH-Schostakovich Ensemble, que se juntam à OML para interpretar o único concerto que Beethoven escreveu para mais do que um solista. O violoncelista Adrian Brendel sobe depois ao estrado, também para dirigir a sinfonia em que Schubert desvela o imenso fascínio que tinha pelo legado de Mozart.

 

 

Paraíso Perdido

DSCH - Schostakovich Ensemble | Orquestra Metropolitana de Lisboa

 

Sábado, 10 de novembro, 21h00, Teatro Thalia

 

L. v. Beethoven Triplo Concerto

K. Penderecki ** Adagietto da ópera Paraíso Perdido

F. Schubert Sinfonia N.º 5, D. 485

 

 

DSCH - Schostakovich Ensemble*

Corey Cerovsek violino  

Filipe Pinto-Ribeiro piano

Adrian Brendel violoncelo e direção musical

 

* Agrupamento Associado da Temporada 2018/19

** Artista Associado da Temporada 2018/2019