Piccolos da Metropolitana

facebook Instagram Youtube

Agrupamentos


Fazem parte integrante da Metropolitana inúmeros agrupamentos de dimensão variável que se apresentam com grande regularidade em público e que interagem entre si, preparando reportórios muito variados.

Piccolos da Metropolitana

Piccolos da Metropolitana

Direção Artística | Joana Tavares


Tal como nas famílias de instrumentos, também na família da Metropolitana as orquestras dividem-se por diferentes «tamanhos». Se na face mais visível sobressai a Orquestra Metropolitana de Lisboa, composta exclusivamente por músicos profissionais, acha-se no extremo oposto a mais jovem das orquestras. 

 

O projeto dos Piccolos da Metropolitana teve início no ano letivo 2013/2014, em torno das classes de Violino e Viola do Conservatório de Música da Metropolitana. Reúne crianças em idade pré-escolar, dos três aos cinco anos, e visa proporcionar contextos de aprendizagem estimulantes e complementares do ensino individualizado do instrumento.

Na infância, mais do que em qualquer outra faixa etária, o desenvolvimento das funções cognitivas, o desenvolvimento das competências motoras, desenvolvimento das dimensões identitária e desenvolvimento emocional da existência são impulsionados pela imitação, pela relação com o outro, por ambientes motivadores que se baseiam em razões bastante mais abrangentes do que as escalas diatónicas maiores e menores. A prática da música de conjunto é veículo privilegiado para atingir uma formação mais completa do indivíduo.

Ainda assim, assumindo-se eminentemente como ferramenta pedagógica, como pretexto para ensinar, não dispensa o prazer de tocar e de ouvir música. Numa instituição como a Metropolitana, não faltam ocasiões para a realização de apresentações públicas por toda a cidade de Lisboa.